7 Exercícios da Calistenia

O que é Calistenia?

Calistenia é um tipo de exercício físico que utiliza o peso do próprio corpo como resistência. É uma prática que se concentra em movimentos naturais e funcionais, como flexões, barras, agachamentos, abdominais, entre outros, realizados sem o auxílio de equipamentos de musculação.

O objetivo da calistenia é desenvolver força, resistência, flexibilidade, coordenação e equilíbrio, utilizando apenas exercícios corporais.

A calistenia é uma forma de treinamento popular por sua simplicidade, versatilidade e eficácia na construção de um corpo atlético. Além disso, pode ser praticada em qualquer lugar, sem a necessidade de acessórios ou espaços específicos, o que a torna acessível a muitas pessoas.

Conheça os 7 melhores exercícios para te deixar condicionado na Calistenia

(imagem ilustrativa)

Isometria na barra

Para quem está começando, a isometria na barra é um excelente exercício para dar condicionamento físico para outros exercícios. A isometria na barra além de ajudar iniciar o processe de fazer as barras propriamente, pode ser um complemento do treino para melhorar seu desempenho na execução de barras.

A isometria na barra consiste em você conseguir se pendurar na barra com o seu queixo passando-a, sustentando o seu corpo por um período de tempo.

Faça até quanto tempo conseguir segurar, entre 4 a 5 séries.

(imagem ilustrativa)

Barra supinada

Esse exercício é executado de forma que as palmas das mãos fiquem voltadas para você, com os polegares na parte interna da barra e os dedos na parte externa. Segurando com as 2 mãos aproximadamente na direção dos ombros, fazendo força para se deslocar para cima até passar o queixo da barra.

Esse exercício trabalha diversos músculos e principalmente o core (abdômen). Fortalece principalmente a região das costas, dorsais e bíceps.

Faça sempre o máximo de repetições que conseguir, entre 3 a 5 séries.

(imagem ilustrativa)

Barra pronada

A barra pronada é uma variação excelente para desenvolvimento da musculatura superior. A pegada das mãos é oposta a supinada, com a palma da mão virada para frente. A mecânica do movimento é semelhante a barra supina.

Esse exercício é muito bom para a região das costas, dorsais, peito e abdômen.

Faça sempre o máximo de repetições que conseguir, entre 3 a 5 séries.

Leia também: Tudo sobre a Creatina.

(imagem ilustrativa)

Paralela

A barra paralela consiste em se pendurar nas barras laterais e fazer um movimento de retração dos cotovelos, sustentando o peso corporal e conseguindo esticá-lo novamente.

É um dos melhores exercícios para o tríceps e também trabalha suas costas, peito e core.

Faça sempre o máximo de repetições que conseguir, entre 3 a 5 séries.

(imagem ilustrativa)

Flexão militar

A flexão militar é um dos exercícios mais famosos do mundo e um dos mais eficazes.

Consiste apenas em ficar em posição de prancha em alguma plataforma, colar o peito no chão e se erguer apenas “flexionando os braços” de modo que erga completamente e de forma estática o tronco inteiro.

Faça sempre o máximo de repetições que conseguir, entre 3 a 5 séries.

Leia também: Benefícios da hidratação.

Abdominal na barra

Os abdominais utilizando as barras são excelentes para o trabalho de core.

Há diversas formas de fazer esse tipo e abdominal, abordaremos 2.

(imagem ilustrativa)

  • A primeira consiste em se segurar na barra e esticar a perna formando um ângulo perpendicular entre seu tronco e as pernas, esse exercício é chamado na calistenia de “L SIT”. Faz com que trabalhe a resistência isométrica do abdômen.
  • Faça até quanto tempo conseguir segurar, entre 3 a 4 séries.

(imagem ilustrativa)

  • A segunda maneira é em cima da barra, deixar o joelho retraído, abaixando e levantando o joelho até próximo a atura do peitoral.
  • Faça sempre o máximo de repetições que conseguir, entre 3 a 5 séries.

(imagem ilustrativa)

Agachamentos em geral

O Agachamento é um exército que tem como objetivo principal fortalecer a parte inferior do corpo. Há diversas variações de agachamento, porém, a mais comum é muito eficaz.

Consiste nada mais em fazer um agachamento com os pés bem fixados no chão, jogando o glúteo para trás e mantendo a postura do tronco firme.

Faça sempre o máximo de repetições que conseguir, se achar fácil, adicione pesos, faça entre séries de 3 a 5.

Fazendo esses exercícios em 3 meses você verá mudanças significativas no seu corpo, lembre-se da dieta que faz toda a diferença.

Procure sempre um educador físico para te dar o suporte e te auxiliar nos exercícios.

Consulte-se ao médico para fazer os seus exames, e libera-lo para prática da atividade física.

Post Comment